Margem de lucro: o que é, como calcular e como aumentar

Saber o que é margem de lucro é essencial para todos os empreendedores, independentemente do tamanho da empresa, seu nicho de atuação ou qualquer outro tipo de informação que afete o seu funcionamento. Afinal de contas, essa métrica é vital para uma boa gestão empresarial e, sem poder controlá-la adequadamente, fica muito difícil para o negócio ter sucesso.

Hoje em dia, a taxa de falência de empresas no Brasil é muito alta. Metade de todos os negócios no país não sobrevivem por mais de 4 anos e, dentre os muitos fatores que explicam essa situação, não ter atenção à margem de lucro é um deles. Afinal de contas, quando a empresa não tem noção da sua margem de lucro, ela não consegue identificar situações que são prejudiciais e que apresentam perigo em longo prazo.

Se você quer gerenciar melhor o seu negócio, precisa aprender o que é margem de lucro, como calculá-la e o que fazer para aumentá-la. Para aprender tudo isso, siga a leitura abaixo!

O que é margem de lucro?

A margem de lucro é um indicador financeiro que ajuda a determinar qual a porcentagem de lucro que a empresa ganha em relação às suas despesas. Ela pode ser calculada tanto para produtos ou serviços exclusivos do negócio, quanto para a empresa em si. Isso porque os gestores podem ter a liberdade de agir de maneira flexível para poder lucrar mais.

A tendência de todo investidor, por exemplo, é ter uma margem de lucro positiva para todos os produtos, o que garantiria uma margem de lucro positiva para a empresa em si. No entanto, é possível aumentar a margem da empresa com um produto que dê prejuízo.

Veja o exemplo da Sony, Microsoft, Nintendo e outras empresas de videogames. É comum no mercado que elas vendam os consoles com prejuízo, em muitas vezes de mais de $50 dólares por unidade. Considerando 10 milhões de vendas, por exemplo, é meio bilhão de dólares de prejuízo. No entanto, cada console vendido significa uma quantidade “X” de games. E os jogos têm uma margem de lucro muito melhor, especialmente para a Sony que produz Blu-Ray ou para a Nintendo que costumava produzir os cartuchos dos seus videogames. Como a margem de lucro ali é bem superior, a empresa lucra mais ao incentivar a aquisição do console, mesmo com prejuízo no preço.

Como calculá-la?

Existem dois tipos de margem de lucro para serem calculadas: a Bruta e a Líquida. A primeira se dá com base apenas nos custos operacionais da empresa e das suas receitas de vendas. Já a Líquida leva em conta os custos operacionais, mas também todas as despesas da empresa. Assim, é possível saber a lucratividade da operação e a lucratividade da empresa em si. Veja como calcular o lucro com as duas opções a seguir!

Margem Bruta

A fórmula da margem de lucro Bruta é a seguinte: 

  • Margem Bruta = (Receitas de vendas – Custos operacionais) / Receitas de vendas

Por exemplo, suponha que sua empresa produza chinelos artesanais. Cada chinelo tem um custo operacional de R$5,50, incluindo o material para a sua confecção, o custo para o artista que fez a estampa, o equipamento de estampagem, salário da equipe de produção e tudo mais. O preço de venda de cada chinelo é de R$25,00. No fim de um mês, foram vendidos 1.500 chinelos pela sua empresa. Qual a margem de lucro Bruta?

  • Receitas de vendas = 1.500 X R$25,00 = R$37.500,00;
  • Custos operacionais = 1.500 X R$5,50 = R$8.250,00;
  • Margem Bruta = (R$37.500,00 – R$8.250,00) / R$37.500,00;
  • Margem Bruta = 0,78 = 78%.

Ou seja: a margem de lucro Bruta é de 78% – um valor altíssimo.

Margem Líquida

Agora vamos adicionar um pouco mais de complicação nessa conta. Vamos supor que a empresa tenha R$27.000,00 mensais entre outras despesas, incluindo suas responsabilidades contábeis, aluguel do espaço, energia elétrica, etc. Como isso afeta a lucratividade? Nesse caso, precisaremos usar a fórmula da margem Líquida, que é a seguinte:

  • Margem Líquida = [Receitas de vendas – (Custos + Despesas)] / Receitas de vendas

Considerando os dados que mencionamos acima, a fórmula ficaria assim:

  • Margem Líquida = [R$37.500,00 – (R$8.250,00 + R$27.000,00)] / R$37.500,00;
  • Margem Líquida = 0,06 = 6%

Já ficou bem menor, não é mesmo?

Como saber se minha margem está boa?

Para saber se a sua margem é boa, é necessário compará-la com outras margens. Como nenhum rival vai contar para você quais são os resultados obtidos, o melhor é usar o benchmark do setor. O Sebrae afirma que a média de margem de lucro para cada segmento é a seguinte:

  • Indústria: entre 6% e 8%;
  • Comércios e lojas: entre 10% e 15%;
  • Serviços: 20%.

Como aumentar sua margem de lucro em 5 passos

1. Entenda a lógica da margem de lucro

Como você pôde ver pelas fórmulas, a margem de lucro é baseada nas receitas, nas despesas e custos operacionais. Portanto, alterando essas métricas, você altera o resultado.

2. Otimize a sua produção

Uma maneira de reduzir os custos operacionais é otimizar sua produção. Quanto mais tecnologia e mais produtividade, menos custos e margem de lucro maior.

3. Faça um estudo de mercado para saber até onde pode ir

Se você tiver um preço maior no seu produto, aumentará sua margem de lucro, pois crescerá sua receita sem aumentar os gastos. No entanto, não adianta cobrar 1 milhão de reais pelo produto, se isso significar que você terá 0 vendas. Portanto, é importante ter um estudo de mercado para saber até onde ir com o preço sem prejudicar seu desempenho de vendas.

4. Analise seus dados regularmente

É importante também ter em mente que o mercado é volátil. O que acontece hoje não irá, necessariamente, repetir-se amanhã. Portanto, é importante acompanhar os dados regularmente para sempre ajustar sua rota quando for necessário.

5. Substitua partes da empresa para ter menos custos

Por fim, lembre-se de que é possível terceirizar partes da sua empresa para ter menos custos, como o setor financeiro ou contabilidade. Contrate um bom escritório contábil para poder tornar suas despesas menores e aumentar sua margem de lucro Líquida.

Pronto! Neste artigo, você não só viu o que é margem de lucro como também aprendeu a calculá-la, além de 5 dicas importantes que vão contribuir para aumentar a margem da sua empresa. Como foi possível ver, a terceirização pode ser uma arma importante para reduzir seus custos fixos e aumentar a sua margem de lucro Líquida. Dessa forma, seu negócio pode ter uma saúde financeira maior.

Uma das melhores formas de fazer essa redução de custos é ao terceirizar seu setor contábil com um escritório de Contabilidade Digital, que seja mais ágil, otimizado e eficiente. Quer começar a gastar menos com sua contabilidade? Então veja nossos planos agora mesmo!

Classifique nosso post [type]

Deixe um comentário

Recomendado só para você
Saber o que é desoneração da folha de pagamento é…
Cresta Posts Box by CP